Acessibilidade

X

Aguarde, carregando...

Situação da infestação do mosquito da Dengue


Nos últimos dias a equipe da Vigilância Sanitária fizeram um estudo epidemiológico no município, deixando preocupado e em alerta os munícipes. O estudo chama atenção para locais com alto índice de infestação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da Dengue Chikungunya e Zika em Grandes Rios. Com intensificação de visitas regulares nos domicílios da cidade, os agentes de endemias estão encontrando muitos recipientes com água parada e larvas, o que leva a uma grande proliferação do mosquito. Os locais de alto risco são: Ribeirão Bonito 1,7%, Florida do Ivaí 1,3%, localidades na sede do município: Ginásio (Conjunto Silvério Siqueira, Conjunto Tranquedo Neves, Conjunto José Lino Dal Bem) 3,0%, Estádio (Ruas Amazonas, Rua Pasteur, Rua Vital Brasil) 2,4% e o Centro 2,2%, segundo o estudo a maior parte do foco encontrado são em D2 (Lixos em geral) e A2 (Caixas d’ água). Coordenador de Endemias Eduardo Garcia ressalta que a população precisa fazer sua parte, mantendo seu quintal limpo e sem água parada. CUIDAR É UM DEVER DE TODOS!

Últimas notícias

Atualizado em 10/08/2022